IIIª edição dos Globos de Ouro Angola distingue 32 profissionais em noite de gala

0
446

IIIª edição dos Globos de Ouro Angola distingue 32 profissionais em noite de gala

 

Por: Hélio Cristóvão

 

O salão Xandy Eventos testemunhou na noite deste domingo, 29 de Maio, a terceira edição da maior e mais abrangente gala de premiação de Angola, que prestigia o trabalho de profissionais e artistas de diversas áreas que mais brilham e mais alto elevam a sua arte e ofício através de exímias performances e desempenhos extraordinários, marcantes e inspiradores.

 

A gala Globos de Ouro Angola 2022 foi marcada por 116 nomeados distribuídos por 29 categorias de 8 áreas de actividades, num total de 32 Distinções, reconhecendo a Excelência feita por angolanos e para angolanos, dentro e fora do país.

 

Assim sendo, eis os vencedores da noite:

 

Na categoria televisão:

 

Daniel Nascimento é o melhor Apresentador de Entretenimento nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Zuleica Wilson é a melhor Apresentadora de Entretenimento nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

A Tarde é Nossa distinguido como melhor Programa de Entretenimento nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Política no Feminino é o melhor Programa de Informação nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Claudeth Silva distinguida melhor Apresentadora de Informação nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Paulo Duda distinguido melhor Apresentador de Informação nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Laurinda Santos vence prémio de Melhor Actriz em televisão nos Globos de Ouro Angola 2022

 

Gilmário Vemba conquista prémio de Melhor Actor em televisão nos Globos de Ouro Angola 2022

 

::::::::::::::::::::::::::::

 

Na música:

 

Cibernética de Nikila Sousa é eleita melhor Música do Ano nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Gerilson Insrael vence categoria Melhor intéprete individual Masculino nos Globos de Ouro Angola 2022

 

Anna Joyce distinguida como Melhor intéprete individual feminino nos Globos de Ouro Angola 2022

 

:::::::::::::::::::::::::::::

 

Vamos agora olhar para o Teatro:

 

Joel Mulemba distinguido como Melhor Encenador nos Globos de Ouro Angola 2022

 

Jay Cahanda distinguida Melhor Actriz em teatro nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

António Gonçalves “Ni” distinguido Melhor Actor em teatro nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

A Galáxia vence prémio de Peça do Ano nos Globos de Ouro Angola 2022

 

:::::::::::::::::::::::::::::::::::

 

No cinema:

 

Santana é o melhor Filme do Ano nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Maradona Dias dos Santos eleito melhor realizador do ano com o filme “Santana” nos Globos de Ouro Angola 2022

 

Evanildy Ferreira conquista prémio de Melhor Actriz em Cinema nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Raúl Rosário é o melhor actor em cinema nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

:::::::::::::::::::::::::::::::::::

 

Na moda:

 

Rose Palhares é a melhor criadora de moda nos Globos de Ouro Angola 2022

 

Blésnya Minher conquista prêmio de melhor

Manequim do Ano nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

 

No desporto:

 

Isabel Albino eleita melhor Atleta Feminino do Ano nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Salvador Gordo eleito melhor Atleta Masculino do Ano nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

José Neto distinguido Treinador do Ano nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

:::::::::::::::::::::::::::::::::

 

Na rádio:

 

Vânia Varela vence prémio de Melhor Locutora nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Liberato Furtado vence prémio de Melhor Locutor nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Gira-Discos e Cassetes eleito Melhor Programa de Rádio nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

:::::::::::::::::::::::::::::::

 

A nível da literatura:

 

Mira Clock eleita melhor Autora do Ano nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

Lopito Feijó eleito melhor Autor do Ano nos prémios Globos de Ouro Angola 2022

 

:::::::::::::::::::::::::::::::::::

 

Ainda sobre as distinções:

 

 

Fernanda Samuel é distinguida com “prémio Excelência”

 

Engenheira de produção de petróleos e actualmente a trabalhar em protecção ambiental, Fernanda Renée Samuel tem sido destaque a nível mundial pelo seu percurso quer no domínio academico como profissional, facto que resultou na distinção do prémio Excelencia, nesta III° edição do Globos de Ouro Angola, ocorrido neste Domingo (29), em Luanda.

 

 

Fruto da sua dedicação, Fernanda Renée Samuel foi destaque nos “Prémios Jovens Campeões da Terra” da ONU estando nos lugares cimeiros, tendo merecido igualmente o “prémio ambiental da família real da Grã Bretanha” e prémio internacional Odebrecht para o desenvolvimento sustentável, isto é, em 2015.

 

 

Com apenas 28 anos, Fernanda Renée Ulombe Samuel, foi convidada pelo Presidente João Lourenço a fazer parte do Conselho da República, se tornando assim na mais jovem membro do órgão presidencial, empossada em 2021.

 

 

Escolhida entre os 100 jovens afrodescendentes mais influentes do mundo abaixo dos 40 anos, a jovem tem se dedicado à proteção dos mangais e consequentemente, cocriou a AmbiReciclo, uma startup que promove a economia verde e conta com uma produção voluntária de 65 mil barras de sabões a serem distribuías às famílias carenciadas.

 

 

Recorde-se que o “Globos de Ouro Angola” é a mais abrangente gala de premiação de Angola, que prestigia o trabalho de profissionais e artistas de diversas áreas.

 

::::::::::::::::::::::::::::

 

 

Victorino Cunha é homenageado com “prémio carreira” no Globos De Ouro Angola

 

 

Considerado como o cérebro de todo o sucesso alcançado pelo desporto angolano no que a modalidade de basquetebol diz respeito, professor Victorino Cunha, como é carinhosamente chamado, viu o seu percurso reconhecido na noite deste Domingo (29) pela III° edição do Globo de Ouro Angola, ocorrida no espaço Cultural Xandy Eventos – Benfica.

 

 

Como jogador de basquetebol conquistou pela selecção angolana três títulos, em 1989, 1992 e 1993, e orientou também a mesma selecção nos campeonatos mundiais de 1986, 1990 e 1994, bem como os Jogos Olímpicos de verão de 1992.

 

 

Professor Victorino Cunha, como é carinhosamente chamado actuou também como instrutor FIBA-África, sendo que em 2009 foi homenageado pelo seu contributo no basquetebol nacional, atribuindo-lhe um torneio anual de basquetebol denominado “Taça Victorino Cunha”.

 

De frisar que Victorino Eugénio da Silva e Cunha nasceu a 18 de Abril de 1945, Mogofores, Portugal e mudou-se para Angola ainda aos quatro anos de idade.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments