Pais da Princesa Nela apelam ajuda para o caso da filha que...

Pais da Princesa Nela apelam ajuda para o caso da filha que sofre de meningite há 18 anos

COMPARTILHE
A A A

Por: Stella Cortêz

Milton Patrick dos Santos Lopes e Lurivalda Pegado Lopes, pais da Princesa Nela, apelam à sociedade angolana para que ajudem a filha que padece de meningite há 18 anos.

Manuela Isabel Pegado Lopes, conhecida por muitos como sendo a Princesa Nela, nasceu a 18 de Maio de 1999. Segundo a mãe da jovem, a doença começou a se manifestar aos 9 meses de vida. “Quando descobrimos a doença, recorremos a vários hospitais, fizemos as consultas, já estivemos internados com ela durante três meses no hospital Josina Machel, Maria Pia, pouco tempo depois recebemos alta e nada. Não parámos por aí; andamos noutras unidades hospitalares nas idas e vindas, fomos parar no Centro de Reabilitação Física da Samba e, até agora, não obtivemos nenhum êxito na saúde da nossa filha”, disse dona Lurivalda.

Quanto às inúmeras dificuldades que a família enfrenta, Milton Lopes realçou que ficou desempregado por causa da doença da filha. “Já perdi três empregos porque quando a doença lhe dá, eu tenho que largar tudo para a socorrer e os chefes não compreendiam, então preferia abandonar o local do serviço, pois acima de qualquer coisa, primeiro está a minha filha. Apelamos a sociedade angolana que nos ajude, não só nas consultas, mas também em bens de primeira necessidade, como: fraldas descartáveis, alimentos e meio que contribuam para o bem-estar da Nela. Eu ganho 40 mil Kwanzas futo do meu trabalho como taxista, o que não dá para cobrir todas despesas”, concluiu.

Importa lembrar que no mês passado, o nosso site fez uma matéria em que frisava o apelo feito pelos artistas da nossa praça, “Nagrelha e Essm, O Anjo”, que apadrinham o caso há mais de um ano.

Para doar algum bem, basta ligar para os números

comentários facebook